A PF (Polícia Federal) deflagrou na manhã desta segunda-feira, 4, uma operação que tinha como objetivo investigar abuso sexual contra crianças. Durante a ação, um homem, 41, suspeito de planejar estupro da própria filha, de um ano e quatro meses, na Paraíba.

Como aconteceu:

  • A ação da corporação cumpriu um mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável e um mandado de busca e apreensão pelos crimes de produção, compartilhamento e armazenamento de pornografia infantil;
  • O pai da menina foi localizado na cidade de Areia, no Brejo da Paraíba. Já o mandado de busca e apreensão ocorreu contra uma mulher no bairro de Mangabeira VIII, em João Pessoa;
  • Durante as investigações, a PF constatou que o homem e a mulher conversavam por meio de aplicativo de mensagem e planejavam o abuso contra a criança. O pai da menina planejava isso desde a companheira estava grávida;
  • A ISTOÉ entrou em contato com a Polícia Federal para obter mais informações sobre o caso, porém não houve resposta até o momento.