Esportes

Ponte Preta só empata com São Bento e chega a seis jogos sem vitória na Série B

Antes de encarar o rival Guarani, a Ponte Preta apenas empatou com o lanterna São Bento, por 1 a 1, na noite desta terça-feira, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, e chegou a seis partidas sem vitórias na Série B do Campeonato Brasileiro – cinco empates e uma derrota.

O resultado pela 33.ª rodada deixou a Ponte Preta na 11.ª colocação com 43 pontos, enquanto o São Bento se manteve na última posição com 30 pontos, cinco a menos do que o primeiro rival fora da zona do descenso.

Os times fizeram um primeiro tempo de pouca emoção. Os donos da casa chegaram com perigo aos 12 minutos, com Marquinhos, que arriscou da entrada da área e viu a bola passar rente ao travessão. Aos 34, Lucas Mineiro desviou chute de Paulinho e Ivan pegou no susto, salvando a Ponte. No rebote, Rodolfo bateu e a bola passou perto da trave.

No segundo tempo, o time campineiro buscou mais o gol. Aos oito minutos, Guilherme Guedes tocou na marca do pênalti para Camilo que finalizou, mas Henal fez boa defesa. De tanto tentar, os donos da casa abriram o marcador. Vico marcou seu terceiro gol ao receber ótimo passe de João Carlos e completar para as redes.

O São Bento deixou tudo igual aos 31 minutos. Raphael Martinho, livre na linha da grande área, recebeu de Fernandes e bateu forte sem chances para Ivan. A Ponte Preta até foi para cima, mas não conseguiu a vitória. O empate não agradou e nem ajudou ninguém.

A Ponte Preta voltará a campo no sábado, às 16h30, para o clássico ante o rival Guarani no estádio Brinco de Ouro da Princesa, pela 34.ª rodada da Série B. Na sexta-feira, o São Bento receberá, às 21h30, o Cuiabá no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 1 X 1 SÃO BENTO

PONTE PRETA – Ivan; Edilson, Airton, Renan Fonseca e Guilherme Guedes; Camilo, Lucas Mineiro, Araos e Marquinhos (Dadá); Bill (Vico) e João Carlos (Tiago Marques). Técnico: Gilson Kleina.

SÃO BENTO – Henal; Marcos Martins, Joilson, Alison e Guilherme Romão; Fábio Bahia, Paulinho (Fernandes) e Rodolfo; Caio Rangel (Raphael Martinho), Minho (Arancibia) e Zé Roberto. Técnico: Marcelo Cordeiro (interino).

GOLS – Vico, aos 19 minutos, Raphael Martinho, aos 31 minutos, do segundo tempo.

ÁRBITRO – Douglas Marques das Flores (SP).

CARTÕES AMARELOS – Marquinhos, Araos e Gilson Kleina (Ponte Preta); Guilherme Romão (São Bento).

RENDA – R$ 10.055,00.

PÚBLICO – 925 torcedores.

LOCAL – Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago