Mundo

Político iraniano oferece 3 milhões de dólares para quem matar Trump

Crédito: ISNA

Ahmad Hamzeh é da mesma província do líder iraniano Qassem Soleimani, que foi morto em um ataque de drone comandado por Trump. (Crédito: ISNA)

Um político iraniano anunciou um “prêmio em dinheiro” de US $ 3 milhões (cerca de R$12,5 milhões) para quem matar o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, informou a Agência de Notícias dos Estudantes Iranianos (INSA).

“Pagaremos um prêmio de três milhões de dólares em dinheiro para quem matar Trump”, disse Ahmad Hamzeh aos parlamentares.

Hamzeh é da mesma província do líder iraniano Qassem Soleimani, que foi morto em um ataque de drone comandado por Trump.

Em um discurso nesta terça-feira, Hamzeh afirmou que Soleimani seria mais perigoso para os EUA morto do que vivo. O político também rechaçou o argumento de presidente dos Estados Unidos de que ele precisava ser morto por estar planejando matar americanos.

“Suas embaixadas na região estão seguras? Se suas embaixadas estão planejando matar nosso povo inocente, podemos destruí-las?”, questionou Hamzeh.

O parlamentar também citou o fim do acordo nuclear de 2015, que foi desfeito por Trump, e afirmou: “se tivéssemos armas nucleares hoje, estaríamos imunes à ameaça”.

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel