Geral

Policial faz os filhos de reféns e se suicida no bairro de Witzel

Um policial civil se suicidou na manhã desta sexta-feira (4), após invadir uma casa no bairro do Grajaú, na zona norte do Rio de Janeiro. Ricardo Costa, de 57 anos, fez os filhos e a ex-mulher de refém.

Posteriormente, se negou a negociar a rendição com policiais do Bope e Batalhão de Choque da Polícia Militar. Na sequência, Ricardo se matou. Porém, antes disso ele liberou os dois filhos e a ex-mulher. O crime aconteceu no bairro onde mora o atual governador do estado, Wilson Witzel. As informações são do UOL.

A situação foi notada por vizinhos na região. O quarteirão de onde aconteceu o crime foi isolado para realização de trabalho da polícia. Ricardo trabalhava na delegacia da Praça da Bandeira e ainda não se sabe o motivo da ocorrido.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Cantora Patricia Marx se assume lésbica aos 46 anos de idade
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior