Mundo

Polícia mata em confronto suspeito do assassinato de Marielle Franco

Polícia mata em confronto suspeito do assassinato de Marielle Franco

Mural pintado em São Paulo em homenagem a Marielle Franco - AFP

O miliciano Adriano Magalhães da Nobrega, investigado por envolvimento nos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, foi morto neste domingo em confronto com a polícia da Bahia, anunciaram as autoridades locais.

Foragido há mais de um ano, “foi localizado pela polícia na zona rural da cidade de Esplanada”, a 170 km de Salvador, informou a Secretaria de Segurança do estado em comunicado de imprensa.

“No momento do cumprimento do mandado de prisão ele resistiu com disparos de arma de fogo e terminou ferido. Ele chegou a ser socorrido para um hospital da região, mas não resistiu aos ferimentos”, diz o comunicado, que aponta que quatro armas foram encontradas na casa onde o suspeito estava escondido.

Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes foram assassinados em 14 de março de 2018 às 21H30 na região central do Rio.

A vereadora negra de 38 anos – identificada com a defesa da minoria LGBT e com as denúncias de violência policial nas favelas – voltava para casa depois de participar de um debate com jovens negras, quando seu carro foi baleado.

Dois ex-policiais militares foram presos sob a suspeita de serem os autores do crime: Ronnie Lessa, de 48 anos, suspeito de ter feito os disparos, e Elcio de Queiroz, de 46 anos, suposto motorista do carro que perseguiu os das vítimas.

Até o momento ninguém foi oficialmente apontado como autor intelectual do assassinato, mas a principal suspeita recai sobre o “Escritório do Crime”, milícia supostamente liderada por Adriano Magalhães da Nobrega.

Ex-capitão do Bope, batalhão de elite da política militar do Rio de Janeiro, recebeu em 2005 a medalha Tiradentes, por iniciativa do ex-deputado e atual senador Flávio Bolsonaro.

Veja também

+ Maria Zilda relembra como soube que Ary Fontoura era gay: “A coisa mais incrível que já ouvi”
+ Toyota Corolla Cross é SUV do Corolla para brigar com Jeep Compass e cia; confira imagens oficias
+ Robert De Niro reduz limite do cartão da ex-mulher e diz que coronavírus implodiu suas finanças
+ MasterChef estreia sem "supercampeão" e cheio de mudanças
+ Gafanhotos: cidade na Bahia enfrenta invasão de insetos
+ Coronel da PM diz que Bolsonaro é ‘falastrão’ e renuncia à entidade de Oficiais
+ A “primavera das bikes” pós-pandemia vai chegar ao Brasil?
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior