Geral

Polícia encontra garrafa de vodca no carro de piloto que morreu em acidente

Crédito: Reprodução/TV TEM

A Polícia Civil está investigando o acidente que matou o piloto Vinicius Margiota, de 23 anos, na madrugada desta quarta-feira (17), em Jundiaí (SP). O piloto, que já correu na Stock Light, dirigia uma caminhonete na contramão, em alta velocidade, quando bateu de frente com uma carreta. As informações são do G1.

De acordo com o boletim de ocorrência, policiais encontraram uma garrafa de vodca e um objeto usado para triturar e moer fumo dentro do carro. O corpo foi enviado para exames toxicológico, para detectar consumo ou não de drogas, e de alcoolemia, para verificar o nível de álcool no sangue. Os resultados devem ficar prontos em 30 dias.

“É estranho que um piloto experiente como ele erre e pegue a contramão, mas vamos aguardar o resultado dos exames que vai nos dizer se ele estava ou não sob efeito de alguma substância”, afirmou o dele Ruiter Martins.

A morte de Margiota foi confirmada no local, pois ele foi encontrado já sem vida. O motorista da carreta envolvida no acidente não ficou ferido. Ele foi submetido ao teste de etilômetro e o resultado foi negativo.