Mundo

Polícia encontra corpo de jovem desaparecida há 13 anos nos EUA e prende suspeito

Crédito: Divulgação

Brittanee Drexel desapareceu em 2009, quando tinha 17 anos (Crédito: Divulgação)


A jovem Brittanee Drexel desapareceu em 2009, quando tinha 17 anos. Depois de mais de uma década, restos mortais da adolescente foram encontrados em Myrtle Beach, no estado americano da Carolina do Sul. Policiais locais também afirmam que um homem foi preso, acusado pelo assassinato.


+ Unicamp determina luto de três após estudante ser encontrada morta no interior de SP
+ Vídeo: Leclerc dirige Ferrari de Villeneuve de 1979 em homenagem
+ Clima mudou tamanho do corpo humano – e, em certa medida, do cérebro

O corpo de Brittanee foi encontrado no condado de Georgetown, perto de onde ela foi vista pela última vez, de acordo com o xerife local. Nesta segunda-feira (16), ele e familiares da jovem participaram de uma entrevista coletiva.

“Este é realmente o pior pesadelo de uma mãe”, disse Dawn Drexel, mãe da jovem.

“Estou de luto pela minha filha como estou há 13 anos, mas hoje é agridoce. Estamos muito mais próximos do fechamento e da paz que esperávamos buscando desesperadamente. Hoje marca o início de um novo capítulo. A busca por Brittanee agora é uma busca pela justiça”, seguiu.

A polícia ainda divulgou que o acusado pelo crime é Raymond Douglas Moody, também morador do condado. Ele possui diversos crimes sexuais na ficha criminal e é acusado de sequestro, conduta sexual criminosa e assassinato no caso. De acordo com relatos preliminares, ele estrangulou Brittanee até a morte.