A Polícia Civil de São Paulo desmantelou uma operação de tráfico internacional de drogas com a prisão de um mergulhador suspeito no Guarujá, litoral sul, na última sexta-feira (21). A ação, registrada na 2ª Delegacia da Deic de Santos, apreendeu 103 kg de cocaína.

O suspeito detido seria o mergulhador responsável por colocar a droga ilegalmente em navios do Porto de Santos com destino a outros países. 

Com apoio do setor de inteligência da Polícia Civil, a operação começou com a identificação de um veículo utilizado no transporte da carga ilícita. As informações levaram os agentes até uma casa no bairro Monte Cabrão, em Santos, que era utilizada para o armazenamento da droga, onde foram encontradas quatro malas contendo 100 pacotes de cocaína, totalizando 103 kg.

Além do entorpecente, foram encontrados no local dois carregadores de fuzis, 38 munições, e diversos materiais utilizados para mergulho.

A prática de esconder drogas em embarcações que partem do Porto de Santos é uma estratégia adotada entre facções criminosas, como o Primeiro Comando da Capital (PCC),  para burlar a fiscalização e dificultar a investigação policial.