Geral

Polícia Civil indicia ex-padre por violência sexual contra três monges em MG

Crédito: Reprodução

A Polícia Civil de Minas Gerais indiciou nesta quarta-feira (19) o ex-padre Ernani Maia dos Reis pelo crime de violência sexual mediante fraude contra três monges do Mosteiro da Santíssima Trindade, na cidade de Monte Sião, entre 2011 e 2018. As informações são do UOL.


O caso foi revelado pelo portal em setembro do ano passado, e o religioso acabou dispensado da Igreja Católica por decisão do Papa Francisco no mês seguinte.

Ernani negou as acusações ao delegado de Monte Sião, Daniel Leme Amaral, em depoimento no dia 7 de dezembro de 2021, alegando que as relações foram consentidas, entre homens adultos e que não configurariam abuso de sua parte.

O inquérito policial foi aberto a pedido do MP-MG (Ministério Público de Minas Gerais), com base nas reportagens que revelaram as denúncias dos monges.