Em Cartaz

Planeta às escuras

Crédito: Divulgação

Os artistas estão explorando várias disciplinas para provocar surpresas. Em sua mais recente aventura estética, o carioca Daniel Frota, de 29 anos, somou especulação filosófica, pesquisa histórica e reflexão artística. O resultado é um conjunto de obras — esculturas, vídeos, gravuras e instalações — que forma a exposição “Sol Preto”. Frota inspirou-se na expedição de cientistas britânicos em Sobral, Ceará, em 1919, para documentar um eclipse solar peculiar: por um segundo, o mundo inteiro ficou às escuras. Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, até 8/4.