Economia

PIB mensal calculado pelo Itaú Unibanco reverte queda e sobe 0,6% em outubro

A atividade econômica cresceu 0,6% em outubro, após queda de 1,2% em setembro, conforme o PIB mensal Itaú Unibanco (PM-Itaú), com ajuste. Na comparação com o décimo mês de 2017, sem ajuste sazonal, houve crescimento de 2,1%. A expectativa do banco é que o dado de novembro apresente elevação de 0,5% em relação a outubro.

Dentre os treze componentes do PIB mensal, sete avançaram no décimo mês do ano, sendo as maiores altas observadas na indústria extrativa (3,6%) e no setor de energia e saneamento (2,7%), informa. Já no âmbito de quedas, destaca a construção civil, que apresentou recuo de 1,7%.

Pela ótica da demanda, cita a nota, tanto o indicador de formação bruta de capital fixo quanto o de consumo das famílias ficaram estáveis em outubro ante setembro, após ajuste sazonal.

Por outro lado, na comparação anual, o indicador de investimentos acelerou de 2,9% no nono mês do ano para 7,0% no seguinte. Já o de consumo das famílias acelerou de 1,6% para 3,2% no mesmo período.

“Vale notar que, segundo o IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística , tanto a receita real do setor de serviços quanto as vendas no varejo e a produção industrial também apresentaram aceleração na comparação anual em outubro”, observa a instituição.

+ Briga de vizinhos termina com personal trainer morta a facadas no interior de SP

Veja também

+ Quarta parcela do auxílio sai hoje (14) para os nascidos em agosto

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?