Brasil

PI: Detentos conversam com familiares por meio de visitas virtuais

Crédito: Reprodução/Ascom

Após testes na Penitenciária Feminina de Teresina, no Piauí, detentos da antiga Casa de Custódia da capital do estado conversaram com seus familiares por videochamadas. A medida começou a ser adotada na última terça-feira (7).

A iniciativa foi testada depois da prorrogação por mais 15 dias da suspensão das visitas aos detidos por conta do coronavírus.

Ao g1, o secretário de Justiça do Piauí, Carlos Edilson, disse que a ideia agradou os detentos da Penitenciária Professor José Ribamar Leite, que mesmo com a suspensão das visitas conseguem manter contato com os familiares por meio da tecnologia.

“Estamos bem satisfeitos com a execução das visitas virtuais. Os testes estão acontecendo nas nossas unidades e estão dando certo. Utilizaremos a tecnologia a nosso favor e continuaremos com essa aproximação da família com o reeducando, que é algo muito importante para a reintegração social dessas pessoas”, comentou.

A previsão é que a próxima a implementar a medida seja a Cadeia Pública de Altos também no Piauí.

+ Consulado chinês nos EUA é fechado e provoca nova crise
+ As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

Veja também

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?