Geral

PF prende dois por 10 mil peixes ‘ilegais’ no Solimões

A Polícia Federal prendeu dois homens nesta sexta, 27, pelo transporte ilegal de cerca de 10 mil peixes recém saídos dos ovos que estavam acondicionados em sacos plásticos em um barco que navegava pelo Rio Solimões. A embarcação foi abordada nas proximidades de Umariaçu, comunidade de Tabatinga, no Amazonas, e tinha como destino a Colômbia.

Os presos informaram às autoridades que os peixes transportados eram ‘Aruanãs’. Além dos animais, a PF apreendeu ainda cilindros de oxigênio que a embarcação utilizava no transporte da carga ilícita.

Segundo a PF, um dos homens, que se apresentou como responsável pelo barco, afirmou que o destino dos peixes era a cidade de Letícia, localizada a mais de mil quilômetros da capital colombiana, Bogotá. Ele indicou ainda que o transporte se daria mediante o pagamento de dinheiro em espécie.

A corporação instaurou um inquérito para apurar a prática dos crimes de receptação e tentativa de contrabando.

A Polícia Federal informou que os peixes serão reintroduzidos na natureza, com o auxílio dos órgãos ambientais competentes.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?