Economia

Petrobras contrata novo serviço de satélite para melhorar transmissão de dados

A Petrobras contratou um novo serviço de satélite que, segundo a companhia, vai permitir uma redução de 75% no tempo de transmissão de dados entre as plataformas de petróleo e os centros de comando. “O tempo de transmissão (round trip time – RTT) foi reduzido devido a conexão por meio de satélites que orbitam o planeta em altitude média, cerca de 8 mil quilômetros, ao invés de satélites geoestacionário situados a 36 mil quilômetros”, explica a Petrobrás.

Em comunicado, a companhia afirma que esta redução agiliza o uso de aplicações digitais como chamadas de voz, videoconferências, sistemas corporativos e operacionais, como telas de automação. A nova tecnologia foi instaladas nas plataformas P-68 e P-66, no pré-sal da Bacia de Santos, e será estendida para outras nos campos de Búzios, Lula, Berbigão e Atapu.

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?