ISTOÉ Gente

“Pesadelo real”, diz Giselle Itié sobre puerpério durante pandemia

A atriz Giselle Itié utilizou o Instagram nesta quarta-feira (25) para compartilhar uma imagem do filho recém-nascido, Pedro Luna, e aproveitou para relatar, em forma de poesia, sobre as angústias da quarentena em meio à pandemia do novo coronavírus e as aflições do puerpério, período após o parto.

“Ontem tive um sonho/ era assim… acordei, o dia estava lindo, o pequeno dormia/ aproveitei e tomei banho feliz da vida só desejava tomar café na padaria, ao lado de casa./ pós banho delícia fui acordar o “amor, de mís amores”/ com beijos e um cheirinho delícia./ ao arrumar o Pedrín, ele soltou alguns-vários sorrisos (como de costume)/ e eu, sempre derretida, cantava “Amor, de mís amores” (como de costume)”, escreveu ela em parte de sua legenda.

“Ao sair do prédio/desejei -bom dia! para o Zé, que trabalha aqui, ele surpreso e carinhoso (como de costume) nos desejou um belo dia/ andando saltitante com o meu filho no sling, percebi que a rua estava linda florida mas deserta./ perguntei pro Pedro Luna – cadê a galera, meu filho?!/ ele entendeu minha observação mas logicamente, não conseguiu responder, por motivos óbvios. Quando cheguei na padaria estava fechada/ como tudo estava/estava/estava/estava/ quando chegou a polícia querendo me multar por estar na rua/ OI??? Quando acordei assustada e percebi que na verdade eu tive um pesadelo real. #puerperioreal #maternidadereal #puerperio+coronavírus”, desabafou.