Mundo

Peru terá 2º turno de eleições presidenciais em cenário dividido


ROMA, 12 ABR (ANSA) – Assim como previam as pesquisas de opinião, as eleições presidenciais no Peru, realizadas neste domingo (11), se encaminham para um segundo turno bastante disputado em 6 de junho.   

Com 55,2% dos votos computados segundo o Escritório Nacional de Processos Eleitorais (Onpe), o professor da esquerda radical e líder da sigla Peru Livre, Pedro Castillo, aparece em primeiro com 16,3%. A disputa mais acirrada está para a segunda vaga entre três candidatos.   

O liberal e economista do Avança País, Hernando de Soto, aparece com 13,4%; seguido pela candidata também da direita pelo Força Popular, Keiko Fujimori, com 12,9%; na sequência, aparece o líder da extrema-direita pelo Renovação Popular, Rafael Lopez Aliaga, com 12,8%.   

Yonhy Lescano, da sigla de centro-direita Ação Popular, que aparecia como líder nas últimas pesquisas de intenção de voto está na quinta posição com pouco mais de 8,8%.   

Apesar de fragmentada, a disputa contou com um alto comparecimento às urnas, com 73,7% dos 13,1 milhões de eleitores tendo ido votar.   


+ Atleta de Jiu Jitsu morre aos 30 anos de Covid 15 dias após perder o pai pela doença
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Mulher morre após ingerir bebida alcoólica e comer 2 ovos



A crise política peruana, que se arrasta há 20 anos, mas piorou desde 2019, é também sentida na composição do Parlamento, onde 11 partidos devem conseguir eleger seus candidatos. A liderança está com o Peru Livre (19,2% dos votos), seguido pelo Força Popular (10,2%) e pelo Ação Popular (10%).   

O país foi às urnas vivendo um período de grande instabilidade, com o presidente atual, Francisco Segasti, tendo sido nomeado pelo Parlamento em novembro do ano passado após o impeachment do eleito Martín Vizcarra por “incapacidade moral” para o cargo.   

Naquele mês, o Peru teve três presidentes (Vizcarra, Manuel Merino e Segasti) e protestos violentos que culminaram na morte de diversos civis. (ANSA).   

Veja também

+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS