Esportes

Perto de assumir CBF, Caboclo será chefe da delegação do Brasil na Copa

Perto de virar o novo presidente da CBF, Rogério Caboclo foi anunciado nesta sexta-feira como o chefe da delegação da seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia. Caboclo deve ser eleito o sucessor de Marco Polo Del Nero no dia 17, mas já vem ganhando cada vez mais espaço na entidade.

Na prática, Caboclo já é quem manda de fato, embora o presidente em exercício, com o afastamento de Marco Polo Del Nero, seja o coronel Antonio Nunes. Del Nero não pode sair do País e não iria mesmo à Copa mesmo que se vier a ser reconduzido a suas atividades na CBF pela Fifa – algo muito improvável, pois tudo indica que ele será banido do futebol.

Recentemente, inclusive, Caboclo esteve junto da seleção, acompanhando os amistosos na Rússia e na Alemanha, em Moscou e Berlim, respectivamente. Mesmo porque pode viajar livremente, para onde quiser.

Segundo a CBF, ele coordena no momento “o trabalho de organização das ações para a participação da seleção brasileira no torneio”.