Mundo

Pensilvânia vai às urnas em teste de popularidade para Trump

SÃO PAULO, 13 MAR (ANSA) – O 18º distrito da Pensilvânia, nos Estados Unidos, vai às urnas nesta terça-feira (13) para escolher seu novo representante do Congresso norte-americano.   

Na disputa estão o democrata Conor Lamb, o republicano Rick Saccone e o libertário Drew Miller. O cargo está vago desde outubro, quando Tim Murphy renunciou após a divulgação de que havia encorajado uma amante a abortar.   

Os principais nomes da disputa, no entanto, são Saccone, aliado do presidente dos EUA, Donald Trump, e Lamb, procurador democrata. Nesse mesmo distrito, o mandatário alcançara 20 pontos de vantagem sobre Hillary Clinton nas eleições de 2016, mas isso não deve garantir a vitória republicana, já que a disputa é “extremamente” competitiva, como diz o jornal “The New York Times”.   

Caso Saccone perca, será a primeira vez desde 2002 que o distrito não elege um republicano. Segundo o diário, aproximadamente US$ 12 milhões foram gastos nas campanhas, tanto para Saccone quanto para Lamb, por grupos externos e pelo presidente Trump, pelo vice-presidente Mike Pence e pelo ex-vice Joe Biden. (ANSA)