Mundo

Pelo 3º dia seguido, cai média móvel de casos na Itália

ROMA, 23 JAN (ANSA) – A Itália registrou 138.860 novos casos e 227 mortes por Covid-19, informou o boletim diário do Ministério da Saúde neste domingo (23).   

Pelo terceiro dia consecutivo, o país registrou uma queda na média móvel de infecções, que baixou para 168.847, indicando a estabilização de contaminações após a explosão provocada pela variante Ômicron. Ao todo, desde o início da crise sanitária, o país contabiliza 9.923.678 casos.   


Já a média móvel de mortes continua a dar sinais de estabilização, caindo de 349 para 345. A alta de 74% na comparação com o mesmo dia da semana anterior é a menor desde 13 de janeiro. As regiões da Campânia e da Sicília voltaram a informar que houve revisão no número de vítimas, dois e 24, respectivamente.   

Foram realizados 933.384 testes, cerca de 100 mil a menos do que no sábado, com uma taxa de positividade que caiu para 14,9% – contra 16,4% no dia anterior.   

Também dão sinais de estabilização as internações. Atualmente, o número de pessoas em observação é de 19.627 – em média que se mantém desde 18 de janeiro – e outras 1.685 estão internadas em unidades de terapia intensiva (UTIs). Desde o dia 10, os números variam entre 1,6 mil e 1,7 mil na UTI. (ANSA).