Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

O São Paulo espera acertar nos próximos dias o segundo reforço pedido pelo técnico Rogério Ceni. O volante Cícero, que defendeu o clube entre 2011 e 2012, pode retornar ao time por empréstimo, pois tem seus direitos econômicos ligados ao Fluminense. Em troca, a equipe do Morumbi cederia, também por empréstimo, o volante Wellington.

O que dificulta o acerto é o alto valor do salário de Cícero. O jogador recebe R$ 400 mil mensais e o São Paulo gostaria de dividir a quantia com o clube carioca, que também pagaria por Wellington.

A intenção do Flu é fazer com que o São Paulo pague o máximo possível do salário de Cícero, que embora seja volante, foi o artilheiro do clube carioca na temporada, com 16 gols em 63 jogos. O clube do Rio gostaria de negociar o jogador para tentar aliviar a folha salarial.

O jogador foi um pedido de Ceni, com quem jogou no São Paulo. Quanto a Wellington, o jogador também desperta interesse do Fluminense pelo fato de ele ter trabalhado com o técnico Abel Braga, no Internacional.

No time gaúcho, o são-paulino fez apenas três partidas e sofreu uma grave lesão no joelho. Depois, ainda foi pego no doping. Ele tem contrato com o São Paulo até outubro de 2018. Já Cícero, é do Fluminense até dezembro do mesmo ano.

Antes de Cícero, o São Paulo já contratou o goleiro Sidão, do Botafogo, e que teve destaque também no Audax, por indicação do novo treinador e ídolo da torcida.