Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

A artilharia pesada do pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT-CE) contra o PT – em especial, Lula e Dilma – incomoda políticos dos dois partidos que costuram palanque, principalmente no Nordeste.

Embora defenda Ciro em público, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, se alia à ala da legenda que sugere moderação na beligerância.

A turma do “deixa disso” é encabeçada por caciques do PDT no Maranhão, Pernambuco, Paraíba, Sergipe e até no Ceará, Estado de Ciro – onde nomes do PDT estão na mesa de negociações para suceder Camilo Santana, com apoio do PT.