Esportes

Pato diz se jogaria novamente no Corinthians: ‘Não dependeria de mim’

Atacante atualmente no Orlando City, dos EUA, concedeu entrevista ao programa "Arena SBT" e comentou como rejeição na passagem anterior pode interferir em uma próxima

Pato diz se jogaria novamente no Corinthians: ‘Não dependeria de mim’

Alexandre Pato deixou o Corinthians há mais de cinco anos, mas sua passagem frustrada pelo clube ainda é assunto. Na noite da última segunda-feira, no programa “Arena SBT”, o atacante voltou a falar de seu histórico no Timão e comentou sobre a possibilidade de retornar ao Parque São Jorge. Apesar de não descartar a chance, ele admite que a rejeição pesaria contra a volta.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Paulistão-2021 clicando aqui

GALERIA
> Relembre as camisas “três” mais chocantes do futebol

Aos 31 anos, recém-contratado pelo Orlando City, dos EUA, Pato chegou ao Corinthians em 2013, como a maior contratação da história do clube, mas apesar dos números e títulos naquele ano, a passagem não teve sucesso e ficou marcada pelo pênalti perdido contra o Grêmio, na Copa do Brasil, e por uma suposta negativa a uma oferta bastante vantajosa do futebol chinês.

– Outro dia eu li que em 2013 o melhor jogador do Corinthians fui eu, o que fez mais gols, o que teve mais assistências… O que aconteceu foi que eu errei mesmo, eu bati um pênalti que achei que iria fazer, mas acabei errando, mas eu vejo que tem muita coisa além do campo. Então o torcedor do Corinthians pegou uma raiva de mim, esse negócio que apareceu da China, que falaram que iriam me vender, “o Pato recebeu uma proposta de tanto milhões da China e não vai para China”, não recebi nada, a única coisa que eu recebi, que me colocaram lá, foi no Chelsea, que é uma situação que se eu soubesse que seria daquele jeito, eu não iria, mas apareceu o Chelsea e eu falei “quero jogar na Europa ainda” – afirmou o atacante brasileiro.

Por essas e outras, Pato acredita ser difícil retornar um dia para o Timão, mas como trabalhador não descarta a possibilidade de vestir novamente a camisa alvinegra. Para ele, porém, é uma situação que não depende só do jogador.

– Colocaram o pênalti errado e a proposta que eu não teria aceitado numa proporção muito grande, que hoje o corintiano não me aceitaria, mas eu sou trabalhador, por que não? Sou trabalhador, e se tivesse que jogar no Corinthians, eu jogaria, mas não dependeria só de mim – concluiu.

Veja também
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+Deolane Bezerra, viúva de MC Kevin, revela que fez cirurgia na vagina
+ Vídeos mostram pessoas preparando saladas com Cheetos no TikTok
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Mãe encontra filho de 2 anos morto com bilhete ao lado ao chegar em casa
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago