Geral

Passageiro é retirado de voo nos EUA por se recusar a usar máscara

Crédito: AFP/Arquivos

Boeing da American Airlines (Crédito: AFP/Arquivos)


Um passageiro da American Airlines foi retirado de um voo de Nova York para Dallas, nos Estados Unidos, por se recusar a usar máscara de proteção. Segundo a companhia aérea, Brandon Straka não quis cumprir a determinação exigida pela empresa. As informações são da CNN.

De acordo com a CNN, este é o primeiro caso de passageiro que foi impedido de viajar por não usar máscara, desde que as medidas mais rígidas contra o novo coronavírus passaram a valer.

“Depois que ele se recusou a cumprir as instruções fornecidas pela tripulação, os membros da nossa equipe pediram para ele desembarcar. Ele desembarcou e o voo partiu do portão quatro minutos atrasado às 12:34 pm ET”, disse a companhia aérea em comunicado.

Segundo a American Airlines, o voo do passageiro foi remarcado e ele concordou em cumprir as políticas da empresa e usar máscara.

Straka disse que usava uma máscara fornecida pela empresa, mas a retirou quando estava a bordo do avião e ninguém reclamou. “Isso é insano. Absolutamente insano”, disse o passageiro em um post nas redes sociais. “Nós nem temos mais escolha”, desabafou em entrevista à CNN.

Veja também
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago