Economia

Parente: Aquisição da Adtalem é a maior da história da Yduqs

A aquisição da Adtalem, dona da Ibmec, por R$ 2,2 bilhões, considerando caixa da companhia, é a maior da história da Yduqs, ex-Estácio, disse o presidente da empresa, Eduardo Parente. A compra é ainda três vezes superior do que a segunda maior aquisição, disse o executivo.

Parente disse que a aquisição é transformacional para a história da empresa, dado que ela traz valor para todas as “avenidas de crescimento” para a companhia. “Criamos a Yduqs pensando nisso”, afirmou, em teleconferência.

O executivo disse que não há intenção de mexer nas marcas detidas pela Adtalem. “Achamos que isso (manter as marcas) será algo muito poderoso para a expansão”, afirmou.

O executivo disse que há movimentos de aquisições que são “oportunistas” e com olhar nas sinergias, tal como foi a da Unitoledo. E outras como a da Adtalem.

Parente afirmou que será criada uma nova divisão para abrigar o Ibmec e os cursos de medicina da Estácio, que será administrada separadamente. Segundo o executivo, Thiago Sayão, presidente do Ibmec, já recebeu o convite para, em conjunto, tocar a operação.

O interessa da Yduqs, ex-Estácio, é de fazer mais aquisições, disse o presidente da companhia, Eduardo Parente, em teleconferência. Segundo ele, no entanto, a empresa precisa ainda digerir a compra recém anunciada da Adtalem, dona do Ibmec.

“Queremos fazer a integração com calma, não quer dizer que não vai acontecer nada antes desse processo, mas agora estamos com todo o foco nessa operação”, afirmou.

Parente disse que quando a companhia alterou seu nome para Yduqs já estava de olho na aquisição da Adtalem. “Já sabíamos o que queríamos. Fomos até Chicago para que essa aquisição pudesse ser feita da forma mais acelerada possível. Conseguimos exclusividade cedo”, disse.