Economia

Parcelamento exclusivo para brasileiros

Com a queda recente do dólar – que desvalorizou 2,73% desde o início do ano e, para turismo, está cotado em torno de R$ 3,27 em espécie nas casas de câmbio em São Paulo -, os brasileiros voltaram a considerar as compras no exterior. E uma das mais famosas lojas de artigos infantis em Orlando resolveu dar um incentivo a mais para esse público. Agora, a Macrobaby oferece o parcelamento de compras em cartões de crédito nacionais.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Colocada em prática há um mês, a iniciativa permite que os valores sejam divididos em até 12 vezes nos cartões de bandeira Visa, Mastercard e Amex. Com os brasileiros representando 40% dos clientes da loja, a medida foi pensada exclusivamente para esse público. “Nos Estados Unidos, a prática não é comum, mas os brasileiros sempre perguntavam se poderiam parcelar”, conta Richard Harary, presidente da empresa, que espera que a facilidade faça com que as vendas cresçam 20%.

A aposentada Lilian Bessa costuma viajar para os Estados Unidos para comprar itens para o neto de nove meses. Ela conta que a Macrobaby não está na lista das lojas mais baratas, mas que o parcelamento pode fazer toda a diferença. “Mesmo sabendo que ela é mais cara, eu vou lá. Em relação aos preços do Brasil, todas as lojas valem a pena. Com parcelamento, será muito melhor, porque é uma coisa do perfil do brasileiro, dividir as compras”, afirma.

Vantagens. Mesmo que o dólar esteja longe de chegar aos R$ 1,74 cotado no início de 2012, as compras no exterior ainda valem a pena. No Brasil, produtos da mesma marca e modelo chegam a custar o dobro do valor que são vendidos nos EUA. Os itens mais procurados pelos brasileiros são justamente aqueles que apresentam maior disparidade de preços, como os carrinhos, cadeirinhas e babás eletrônicas.

Com cotação a R$ 3,30, um carrinho com guarda-chuva Maclaren, que custa em torno de R$ 2000 no Brasil, sai por R$ 1221 na loja. Uma cadeira de balanço da marca Fisher Price é encontrada nos EUA por R$ 132, mas não sai por menos de R$ 350 no Brasil. A cadeirinha para carro Maxi-cosi Pria 85 custa em torno de R$ 1600 em lojas nacionais e R$ 989,96 nos EUA. Um aspirador nasal da marca Graco, custa cerca de R$ 140 no Brasil, mas na Macrobaby é encontrado por pouco mais da metade do preço, a R$ 73.

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Jojo Todynho solicita ajuda médica e preocupa fãs

+ Capacete estilo astronauta contra Covid-19 gera polêmica na internet

+ Vídeo: Acompanhado por 140 militares, caça Gripen é rebocado pelas ruas de Navegantes

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea