Comportamento

Papa celebrará missa pelos mortos sem fiés por medo da “senhora covid”

Papa celebrará missa pelos mortos sem fiés por medo da “senhora covid”

O papa Francisco durante a oração do Angelus na Praça de São Pedro em 13 de setembro de 2020 - AFP

O Papa Francisco celebrará a missa de finados em 2 de novembro sem os fiéis dentro do Vaticano e evitou a multidão nesta quarta-feira (28) por medo da “senhora covid”, confessou durante a audiência geral.

Devido à emergência sanitária decorrente do novo surto de coronavírus na Europa, a tradicional missa pelos mortos será celebrada em particular no cemitério teutônico dentro do Vaticano.

Francisco evitou saudar pessoalmente, como costuma fazer, alguns dos fiéis que compareceram à audiência geral na sala Paulo VI dentro do Vaticano.

“Adoraria descer e cumprimentar a todos, mas devemos manter a distância”, explicou aos presentes, todos com máscaras.

“Se eu descer, as pessoas se reúnem (…) e isso vai contra os cuidados e devemos nos precaver diante dessa senhora chamada covid e que nos causa tanto dano”, explicou.

O papa e seus assistente não usavam máscara, enquanto os guardas suíços e os fotógrafos oficiais eram obrigados a usá-la.

De acordo com o programa do Papa divulgado pela assessoria de imprensa, no dia 5 de novembro Francisco presidirá na Basílica de São Pedro uma missa em memória dos cardeais e bispos falecidos.

A missa contará com a presença de um número limitado de fiéis e o programa pode ser modificado dependendo da situação sanitária, alertou o Vaticano.

Veja também

+ Cantora MC Venenosa morre aos 32 anos e família pede ajuda para realizar velório
+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Idoso morre após dormir ao volante e capotar veículo em Douradoquara; neto ficou ferido
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel