Esportes

Paolo Rossi, herói da Itália na Copa de 1982, morre aos 64 anos

O ex-jogador italiano Paolo Rossi, herói e artilheiro da Copa do Mundo de 1982 vencida pela Itália, morreu aos 64 anos, informou a mídia local nesta quinta-feira.

O atacante, suspenso por três anos em 1980 em um caso de escândalo de partidas de futebol fraudadas, acabou sendo convocado para o Mundial de 82 na Espanha, após uma redução de sua sanção. Ele ficou marcado como o algoz da seleção brasileira de Zico, Sócrates e Falcão naquela Copa, marcando os três gols da ‘Squadra Azzurra’ na vitória por 3 a 2. Rossi ganhou a Bola de Ouro nesse mesmo ano.

A esposa de Rossi, Federica Cappelletti, anunciou a morte com um post no Instagram ao lado de uma foto do casal, acompanhada do comentário “Para sempre”, seguido de um coração.

“Nunca haverá ninguém como você, único, especial, depois de você o nada absoluto… “, escreveu Cappelletti também no Facebook.

A notícia de seu falecimento chega duas semanas após a morte da lenda do futebol argentino Diego Maradona, vencedor da Copa do Mundo de 1986.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Rossi é o destaque da seleção da Itália que conquistou tricampeonato mundial na Espanha em 1982.

Mas o ícone italiano quase ficou de fora do torneio.

Ele foi pego em um escândalo de suborno e banido por três anos em 1980, mas depois de protestar continuamente por sua inocência foi liberado para jogar.

Ponta magro e ágil que se tornou centroavante, Rossi tinha uma capacidade fantástica de estar no lugar certo na hora certa.

Ele explodiu na Copa de 1982 com um hat-trick na vitória sobre o Brasil por 3 a 2.

Nas semifinais, Paolo Rossi marcou os dois gols na vitória da Itália sobre a Polônia por 2 a 0 e ainda abriu o placar na vitória por 3 a 1 sobre a Alemanha Ocidental na final.

Rossi acabou sendo o artilheiro do torneio com seis gols.

Ele também fez parte da seleção italiana que terminou em quarto lugar na Copa da Argentina em 1978.

Junto com Christian Vieri e Roberto Baggio, Paolo Rossi detém o recorde italiano de nove gols marcados em Copas do Mundo.

Ele marcou 20 gols em 48 partidas pela Itália e foi eleito o Jogador Europeu do Ano em 1982.

Nascido em Prato, na Toscana, Rossi fez sua estreia profissional na Juventus em 1973, e também jogou por Vicenza, Perugia e Milan antes de encerrar sua carreira em 1987 no Verona.

Com a Juventus, ele conquistou dois títulos da Serie A, a Coppa Italia, a Copa dos Campeões da Uefa e a Supercopa Europeia.

Depois de sua carreira de jogador, Rossi trabalhou como comentarista de TV. Ele deixa sua esposa e três filhos.

ar/am/ahe/th/aam

Veja também

+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Aprenda 5 molhos fáceis para aproveitar o macarrão estocado
+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Editora estreia com o romance La Cucina, uma aventura gastronômia e erótica

Tópicos

fbl Itália