Ediçao Da Semana

Nº 2741 - 05/08/22 Leia mais

A chef de cozinha Paola Carosella mostrou sua revolta na rede social. No Twitter, ela fez uma crítica após o ministro da Justiça, Anderson Torres, ter concedido a Medalha do Mérito Indigenista ao presidente Jair Bolsonaro (PL).

“É o cúmulo do cinismo esse governo”, escreveu Carosella no microblog.

El ainda ironizou os motivos para Bolsonaro ter recebido a medalha: “Medalha do mérito indigenista, pelo reconhecimento nos serviços relevantes em caráter altruístico relacionados com o bem-estar, a proteção e a defesa das comunidades indígenas pro presidente e sua turma… Surreal”, finalizou.

Vale lembrar que o chefe de Estado já foi denunciado duas vezes pela Articulação dos Povos Indígenas no Brasil por ter uma “política anti-indígena”, além de defender a exploração do minério em terras demarcadas.

Veja abaixo a publicação de Paola Carosella: