Esportes

Palmeiras vence Universitario (3-2) no fim pelo Grupo A da Libertadores


Com um gol nos últimos instantes, o Palmeiras, atual campeão da Copa Libertadores, venceu o peruano Universitario de Deportes por 3 a 2 nesta quarta-feira em jogo da primeira rodada do Grupo A do torneio continental disputado sem público no estádio Monumental de Lima devido à pandemia.

O ‘Verdão’ venceu com gols de Danilo (aos 19 minutos), Raphael Veiga (52) e Renan nos acréscimos (90+5). Os peruanos marcaram por meio de Enzo Gutiérrez (65 e 68 de pênalti).

O jogo de volta será disputado no dia 27 de maio.

O Grupo A é completado pelo recém sagrado campeão da Recopa, o argentino Defensa y Justicia, e o equatoriano Independiente del Valle, que empataram em 1 a 1 em Quito.

– Danilo abre o placar –


+ Atleta de Jiu Jitsu morre aos 30 anos de Covid 15 dias após perder o pai pela doença
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Mulher morre após ingerir bebida alcoólica e comer 2 ovos



O Palmeiras propôs um bom jogo coletivo desde o início da partida com o objetivo de buscar a vitória como visitante na capital peruana.

Com o sistema 4-3-3, pressionava com facilidade o vice-campeão peruano, que tinha dificuldades para fugir do cerco.

Aos 10 minutos, o meia Patrick de Paula perdeu a chance mais clara de marcar em um chute de pé esquerdo que passou perto do gol.

Após os 15 minutos iniciais, o Universitario acordou em seu jogo e tentou chegar à área do time paulista em contra-ataques comandados pelo uruguaio Luis Urruti.

Com bolas paradas e triangulações o Palmeiras tentou abrir o placar. E aos 19, foi o meia Danilo que fez 1 a 0 pela equipe alviverde. Ele aproveitou um erro da defesa peruana em uma cobrança de escanteio e mandou para o fundo da rede.

Depois do gol, o Universitario com um futebol desordenado buscou o empate, mas esbarrou na defesa sólida do Palmeiras.

Enquanto isso, o time paulista, com Rony e Danilo infernizando a defesa do Universitario, quis aumentar o placar.

Aos 46, Luan soltou uma bomba que bateu no travessão da equipe de Lima.

– Após o empate, gol nos acréscimos –

No segundo tempo, o time comandado pelo argentino Ángel Comizzo entrou com um futebol mais agressivo para tentar a virada, mas encontrou um adversário determinado a liquidar o jogo.

Aos 52 minutos, Raphael Veiga chutou de pé esquerdo e fez 2 a 0 para o atual campeão da Libertadores. Veiga marcou o gol após uma assistência magistral de Rony da ponta esquerda.

O time peruano, com garra, não desistiu e pressionou com o lateral-direito Aldo Corzo e o atacante argentino Enzo Gutiérrez.

Aos 64, o Palmeiras ficou com dez jogadores em campo com a expulsão de Alan Pereira, que recebeu um segundo cartão amarelo.

Aos 65, Gutiérrez marcou de cabeça diminuindo para 2-1 para ‘La U’ após aproveitar uma cobrança de falta.

Depois desse gol, o Universitario partiu com tudo para o ataque atrás do empate. E aos 68, Gutiérrez deixou tudo igual cobrando pênalti.

Com o empate, o Universitario cresceu em seu jogo e acreditou na vitória, aproveitando sua superioridade numérica.

Mas nos últimos minutos do jogo o Palmeiras acabou impondo a sua experiência para conseguir a vitória.

E foi assim que chegou ao gol nos acréscimos (90+5) com uma cabeçada de Renan, que decretou o triunfo em Lima e levou o alviverde à liderança do Grupo A.

cm/cl/aam

Veja também

+ Tenha também a Istoé no Google Notícias
+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ ‘Dói pra caramba’, revela Anitta sobre tatuagem íntima
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS

Tópicos

fbl Libertadores