Geral

Paes diz que cumpriu 76% das metas de seu governo


Ao fazer um balanço dos 100 primeiros dias de governo, completados neste sábado (10), o prefeito do Rio, Eduardo Paes disse que abriu novos 383 leitos na rede pública de saúde  para tratamento da covid-19, além de ter imunizado  mais de 1 milhão de idosos com a primeira dose contra o novo coronavírus. Paes explicou que o “ hospital municipal  Ronaldo Gazolla, em Acari, zona norte do Rio está operando na plenitude para o tratamento da doença, além de criar postos drive-thru para agilizar a vacinação das pessoas com mais de 60 anos de idade e a criação de um comitê científico para avaliar a situação da covid-19 na cidade”.

O prefeito observou que não foi possível realizar a recomposição das equipes de saúde da família e saúde bucal. No entanto, editais já foram publicados e projetos básicos aprovados.

Meta

Paes explicou que  cumpriu totalmente 76% dos objetivos previstos para este período e 7% parcialmente. Publicados no Decreto 48393, de 1º de janeiro deste ano, os 25 compromissos foram desdobrados em 30 ações, e somente 17% não foram cumpridos. Por isso, a prefeitura recebeu a nota final  7 ponto 6.

O prefeito disse que ao assumir  encontrou  um cenário desolador, em meio a vidas abandonadas, economia arrasada e a cidade destruída, num “retrocesso de 12 anos”. Segundo ele, diante da missão desafiadora, só havia um caminho: arregaçar as mangas e trabalhar. Paes disse que dados levantados pela Secretaria Municipal de Fazenda, a prefeitura herdou uma dívida com fornecedores que chega a R$ 5 bilhões.

“É uma prestação de contas para a população e a imprensa. Dizer aos cariocas que eles têm um prefeito muito feliz, que tem orgulho e considera uma honra comandar essa cidade. Quanto mais difícil à missão, mais empolgado a gente fica. Não há milagre. Aqui tem um time convicto do que está fazendo. Temos certeza de que essa cidade vai voltar a dar certo”, disse. 


+ Atleta de Jiu Jitsu morre aos 30 anos de Covid 15 dias após perder o pai pela doença
+ Após ameaças, soldada da PM denuncia coronel por assédio sexual
+ Mulher morre após ingerir bebida alcoólica e comer 2 ovos



No balanço dos 100 primeiros dias, Paes disse que duas marcas principais dos seus governos anteriores foram às clínicas da Família e os ônibus articulados BRT. “As Clínicas da Família atendiam 4,5 milhões de pessoas na área da saúde os ônibus articulados BRT, transportavam cerca de 500 mil passageiros por dia. Quando o sistema entrou em funcionamento, operava com uma frota de 400 ônibus e, atualmente, tem menos de 140 ônibus em circulação”. O prefeito disse que iniciou o processo de racionalização dos ônibus e o projeto definitivo do BRT Transbrasil, com uma proposta para integrar o VLT no bairro do Caju. O BRT Rosa, para atender somente às mulheres e a segurança em todas as estações deixaram de ser concretizadas.

A Secretaria de Fazenda e Planejamento já anunciou o calendário do 13° salário deste ano e o adiantamento da primeira parcela para julho. Além disso, criou o Auxílio Carioca, pacote de cerca de R$ 100 milhões em alívio à pandemia para 900 mil pessoas de baixa renda.

Veja também

+ Canadá anuncia primeira morte de pessoa vacinada com AstraZeneca no país
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Decifrado código dos Manuscritos do Mar Morto
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS