Mundo

Padre ortodoxo é baleado na porta de igreja em Lyon, na França

PARIS, 31 OUT (ANSA) – Um padre ortodoxo de nacionalidade grega foi baleado enquanto fechava sua igreja em Lyon, na França, neste sábado (31).   

O autor do ataque, ainda não identificado, teria usado uma espingarda e está sendo procurado pela polícia. Já o sacerdote, segundo a imprensa francesa, foi levado a um hospital em estado grave.   

De acordo com uma fonte citada pela agência AFP, o padre tem 52 anos e sofreu dois tiros. Ele não usava sua batina no momento dos disparos.   

O ministro do Interior da França, Gérald Darmanin, abriu uma célula de crise para acompanhar o caso, e a pasta também pediu para as pessoas evitarem a área do ataque.   

O incidente acontece dois dias depois de o tunisiano Brahim Aouissaoui ter matado três pessoas, incluindo a brasileira Simone Barreto, 44 anos, em um ataque a faca na Basílica de Notre-Dame, em Nice.   

Aouissaoui foi baleado pela polícia e está internado sob custódia das forças de segurança. Outros dois suspeitos de ligação com o tunisiano também foram presos.   

Duas semanas antes, um professor, Samuel Paty, havia sido decapitado pelo jihadista russo Abdoullakh Abouyedovich Anzorov depois de ter exibido charges do profeta Maomé em uma aula sobre liberdade de expressão.   

Após o atentado de Nice, o presidente Emmanuel Macron fortaleceu a vigilância de igrejas na França e aumentou a força-tarefa antiterrorismo de 3 mil para 7 mil militares. (ANSA).   

Veja também

+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel