Economia

Ouro sobe em meio a dólar fraco e enfraquecimento da economia global no radar

O contrato futuro de ouro fechou em alta nesta sexta-feira, 12, em meio a um dólar fraco ante outras moedas principais, o que torna a commodity mais barata para detentores de outras divisas. As perspectivas de enfraquecimento da economia global também tendem a fortalecer o metal, na medida em que ele é considerado um ativo seguro.

O ouro para agosto na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), avançou 0,39% para US$ 1.412,20 a onça-troy. Na comparação semanal, houve ganho de 0,86%.

O índice DXY, que mede a moeda americana ante outras moedas fortes, operou em baixa ao longo desta sexta-feira, tornando commodities, como o ouro, mais baratas para os detentores de outras divisas. Com a demanda apoiada, a cotação tende a se fortalecer.

As sinalizações de que a economia global está desacelerando também tendem a apoiar o ouro. O enfraquecimento dos juros dos títulos públicos americanos e europeus, verificado nos últimos tempos, e os sinais de que diferentes bancos centrais ao redor do globo podem vir a realizar corte de juros sustentam a perspectiva de enfraquecimento global.

Por outro lado, uma política monetária mais acomodatícia tende a suportar o apetite a risco e, consequentemente, conter os ganhos do ouro, considerado um ativo seguro que costuma se fortalecer em momentos de aversão a risco.

Tópicos

mercado de ouro