Economia

Ouro interrompe sequência de ganhos e fecha em baixa, após dado de varejo nos EUA


O ouro futuro interrompeu uma sequência de três sessões consecutivas de ganhos e fechou em baixa nesta sexta-feira, 15, em um cenário de menor busca pela segurança do metal precioso após dado de varejo positivo nos Estados Unidos.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange, o ouro com entrega agendada para dezembro perdeu 1,65% hoje, a US$ 1.758,30 a onça-troy, mas avançou 0,62% na comparação semanal.

As vendas no varejo nos EUA avançaram 0,7% entre agosto e setembro, a US$ 625,4 bilhões, segundo informou o Departamento de Comércio americano nesta manhã. O resultado contrariou a previsão de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que era de queda de 0,2%.

O indicador contribuiu para o ambiente favorável nas mesas de operações, que foram em busca de aplicações mais arriscadas, em detrimento das reservas de segurança. Nesse cenário, os juros dos Treasuries avançaram e, como consequência, ajudaram a pressionar o ouro – a commodity tende a ficar em desvantagem quando os rendimentos estão em alta.

O analista Edward Moya, da Oanda, explica que o cenário reflete notícias positivas referentes à maior economia do planeta. “O ouro já estava pronto para a realização de lucros, mas o movimento de queda pode se estender se Wall Street continuar a impulsionar as ações”, avalia.


Saiba mais
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Um gêmeo se tornou vegano, o outro comeu carne. Confira o resultado
+ Reencarnação na história: uma crença antiquíssima
+ SP: Homem morre em pé, encostado em carro, e cena assusta moradores no litoral
+ O que se sabe sobre a flurona?
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua



Tópicos

mercado de ouro