Finanças

Ouro fecha em alta em NY, impulsionado por demanda por ativos de segurança

Os contratos futuros de ouro encerraram o pregão desta terça-feira, 5, em alta, impulsionados pela demanda por ativos de segurança diante da queda das bolsas ao redor do planeta.

Na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para junho subiu US$ 10,30 (0,84%), para US$ 1.229,60 a onça-troy

O sentimento de aversão ao risco predominou nos mercados nesta terça-feira, diante de números fracos da economia da Alemanha e da zona do euro, bem como alertas sobre o crescimento global feitos pela diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde.

Como consequência, os investidores migraram para ativos considerados seguros, como títulos do Tesouro dos EUA, iene e ouro.

“Os investidores gostam de claridade, e não há nenhum sinal de que nós tenhamos isso hoje”, afirmou o analista-chefe de mercado da AvaTrade, Naeem Aslam.

Outro motivo apontado por investidores para a alta do ouro é o início da temporada de balanços trimestrais de empresas, que começa na próxima semana.

“Janet Yellen, presidente do Fed, já alertou o mercado sobre a possível fraqueza dos balanços corporativos, o que explica também essa procura por segurança”, disse o diretor-gerente da corretora Linn Group, Ira Epstein. Fonte: Dow Jones Newswires

Tópicos

mercado de ouro