Os três patetas no governo Bolsonaro

Crédito: Reprodução

(Crédito: Reprodução)


Os três patetas do governo são muitos. Mas ficaremos nos principais. Bolsonaro editou uma MP para Weintraub nomear reitores biônicos para as universidades, desrespeitando a Constituição.

O Senado devolveu a MP e o presidente voltou atrás. Bastaria ter consultado os advogados da União para evitar o pastelão.

O agora ex-ministro é aquele que faz piadas racistas com chineses e diz que os ministros do STF são bandidos.

Damares excluiu dados sobre a violência policial do relatório anual de seu ministério, numa medida considerada “descabida” pela Procuradoria da República.

A ministra é aquela que quer prender governadores, mas quando o bicho pega sobe na goiabeira.


+ Homem que vivia ‘casado’ com a própria filha é preso após polícia investigar agressão contra criança
+ Família de Schumacher coloca mansão à venda por R$ 400 milhões
+ Pão de Queijo: faça uma das receitas mais gostosas do Brasil



Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Cientistas descobrem nova camada no interior da Terra
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2021 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.