Comportamento

Organizadores garantem que Olimpíadas de Tóquio vão acontecer apesar do coronavírus

Organizadores garantem que Olimpíadas de Tóquio vão acontecer apesar do coronavírus

(Arquivo) Presidente do comitê organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio, Yoshiro Mori, em coletiva de imprensa em Tóquio - AFP/Arquivos

Depois de criticar os “rumores irresponsáveis”, o presidente do comitê organizador dos Jogos Olímpicos de Tóquio, Yoshimo Mori, voltou a repetir nesta quinta-feira que não considera “adiar ou cancelar os Jogos” em razão da epidemia do novo coronavírus.

+ Mourão, sobre ser vice de Bolsonaro em 2022: ‘Estou trabalhando para isso’

A apenas 162 dias da cerimônia de abertura, as perguntas sobre um eventual adiamento dos Jogos Olímpicos em caso de propagação do vírus por toda a Ásia estão aumentando.

“Gostaríamos de coordenar com o governo nacional e agir com calma”, disse Mori durante uma reunião com autoridades do Comitê Olímpico Internacional (COI).

As autoridades japonesas anunciaram nesta quinta-feira a primeira morte de uma pessoa infectada pelo coronavírus, uma idosa de 80 anos que morava em uma área próxima de Tóquio.

O ministro da Saúde, no entanto, afirmou que não está claro se o novo coronavírus foi a causa direta da morte.

A epidemia de pneumonia viral, oficialmente chamada COVID-19, já forçou o adiamento de uma série de eventos esportivos na China, incluindo competições de qualificação olímpica.

A lista não para de crescer. Na quarta-feira, o Grande Prêmio de Fórmula 1 de Xangai foi adiado e pode ser cancelado. Outros eventos esportivos programados na Ásia também podem ser adiados se a epidemia se expandir.

Nesta quinta-feira, uma cidade de 10.000 habitantes perto de Hanói, no Vietnã, foi colocada em quarentena.

Durante a reunião com os membros do COI, a governadora de Tóquio, Yuriko Koike, prometeu aplicar “medidas rigorosas” para proteger a população contra o COVID-19 à medida que os Jogos Olímpicos se aproximam.

O prefeito da vila olímpica, Saburo Kawabuchi, disse na reunião que espera um aumento da umidade do ar para limitar a doença. “Temos a estação das chuvas que pode derrotar o vírus”, disse ele.

O Japão tem atualmente 28 casos positivos do novo coronavírus em seu território. Outras 218 personas estão infectadas em um cruzeiro em quarentena na costa japonesa.

Nesta quinta-feira, a província chinesa de Hubei, onde o vírus apareceu, anunciou outras 242 mortes e cerca de 15.000 novas infecções.

Pelo menos 1.355 pessoas morreram na China, onde cerca de 60.000 pessoas foram infectadas com o COVID-19, um número que cresceu após a implementação na quarta-feira de um novo método de detecção.

Veja também

+ Ford anuncia local e investimento de US$ 700 milhões em fábrica que criará F-150 elétrico

+ RJ: tráfico promete caçar quem gravou equipe do Bravo da Rocinha: ‘Vai morrer’

+ Hubble mostra nova imagem de Júpiter e sua lua Europa

+ Após morte de cachorro, Gabriela Pugliesi adota nova cadela

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Peugeot apresenta sua primeira moto feita em parceria com a Mahindra

+ A Fazenda 12: Jojo Todynho causa e pede óleo ungido a Edir Macedo

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea