Esportes

Organizada do Santos protesta contra Peres durante reunião que pode definir afastamento do presidente

Dezenas de torcedores compareceram à frente da Vila Belmiro e também pressionaram o presidente do Conselho Deliberativo, Marcelo Teixeira

Organizada do Santos protesta contra Peres durante reunião que pode definir afastamento do presidente

O presidente do Santos, José Carlos Peres, e os integrantes do atual Comitê Gestor foram alvos de protestos que aconteceram na noite desta segunda-feira (28) na porta da Vila Belmiro.

Encabeçado por uma das torcidas uniformizadas do Peixe, dezenas de santistas compareceram a Rua Princesa Isabel enquanto ocorria a reunião virtual do Conselho Deliberativo, para votar o parecer emitido pela Comissão de Inquérito e Sindicância que indica a abertura de um novo processo de impeachment contra Peres, e consequente afastamento do cargo.

Antes do início da videoconferência, os torcedores pressionaram o presidente do Conselho Deliberativo, Marcelo Teixeira, que esteve na Secretaria Social do clube para conduzir os trabalhos.

Faixa com os dizeres “Fora Peres e Comitê de Gestão” e “MT e Conselho façam o seu papel e salve o Santos”, além de cantos como “Peres vagabundo, vaza do Santos, o maior time do mundo” fizeram parte da manifestação.

Gestão Peres

José Carlos Peres está no comando do Santos desde janeiro de 2018 e o seu mandato terminará em dezembro deste ano. Ainda no seu primeiro ano de mandato, o atual presidente teve o pedido de impeachment aceito pelos conselheiros, por alegações de envolvimento em uma empresa de agenciamento de atletas, o que é proibido estatutariamente. No entanto, os sócios votaram contra o impeachment, que não ocorreu. Agora, as alegações são de irregularidades nos demonstrativos financeiros de 2019, como pagamento de comissão não declarada, endividamento excessivo e mau uso do cartão corporativo.

Diferentemente da primeira ocasião, onde José Carlos Peres permaneceu no cargo, mesmo sob processo de exclusão do cargo, as mudanças do Estatuto Social do Santos FC para adequação do Profut, em 2019, incluiu a necessidade de afastamento dos dirigentes que estão na mira do impedimento.

Veja também

+ A incrível história do judeu que trabalhou para os nazistas na Grécia

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar