Economia

Oposição cobra nova versão do relatório da reforma e pede suspensão da sessão

Deputados da oposição cobram a nova versão do relatório do deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA) sobre a reforma da Previdência. Os parlamentares alegam que não há como iniciar as discussões e os encaminhamentos da votação sem acesso ao texto com as últimas mudanças feitas pelo relator.

Os oposicionistas pediram, inclusive, a suspensão da sessão até que o parecer seja disponibilizado e forem atendidos pelo presidente da comissão, Carlos Marun (PMDB-MS), que interrompeu os trabalhos por 10 minutos.

Tentando contornar a pressão, Marun chegou a dizer que “assim que chegar o texto, o relator terá a palavra”. O relator precisou garantir a deputados que já tinha reelaborado o texto. Mas diante dos pedidos de suspensão, o presidente do colegiado decidiu pela pausa.

Atraso

A sessão da comissão especial da reforma da Previdência que vai votar o texto começou com meia hora de atraso. Marun disse que “a votação vai longe”.

O líder da maioria, deputado Lelo Coimbra (PMDB-ES), disse que espera placar favorável de 23 a 26 votos favoráveis na comissão. Mais cedo, o relator, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), disse em entrevista à rádio CBN que esperava entre 22 e 24 votos de apoio ao texto.

Sem relator

A sessão foi iniciada sem a presença do relator, que está em sua residência reunido com servidores públicos. Eles negociam, para os que entraram até 2003, uma flexibilização na regra de idade mínima para que eles tenham direito à aposentadoria integral e a reajustes iguais aos da ativa.

A ausência de Oliveira Maia foi criticada primeiro pela deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e depois pelo deputado Ivan Valente (PSOL-RJ), que pediu para que os encaminhamentos para a votação não tenham início antes da chegada do relator. “Os debates não serão iniciados (antes disso)”, assegurou Marun.

Cada liderança terá 20 minutos para encaminhar o voto, conforme acordo entre os deputados integrantes da comissão.

Veja também

+ Confira 4 dicas para descobrir se o mel é falsificado

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ App permite testar melhor design de sobrancelhas para você

+ Vídeo do TikTok com mulher sendo empurrada de ônibus viraliza; veja

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar