Geral

Opas não recomenda nenhuma vacina contra covid-19 agora

Em resposta ao anúncio de Jair Bolsonaro de que não iria adquirir vacinas para a covid-19 produzidas pela China, o diretor do Departamento de Doenças Transmissíveis da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), Marcos Espinal, afirmou em entrevista coletiva que a Opas não entra em “questões internas dos países”, e que, no momento, não há nenhum imunizante recomendado pela organização. Jarbas Barbosa, diretor-assistente da entidade, disse que as vacinas na fase três de desenvolvimento estão sendo observadas, e avaliou ser possível que no primeiro semestre de 2021 elas tenham passado por toda a verificação e estejam disponíveis.

A diretora da Opas, Carissa Etienne, afirmou que a organização apenas vai apoiar uma vacina que tiver passado por todos os processos de testagem, e que tenha sido aprovada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a qual tem um processo independente de investigação. Carissa Etienne apontou a desinformação como uma “ameaça na região”, e indicou que países em toda a América terão acesso à vacina, em um desdobramento da iniciativa Covax, que atualmente conta com todas as nações da latino-americanas envolvidas em algum grau.

Sobre o estágio do vírus, os diretores afirmaram que ainda é preocupante e que não há grandes motivos para se celebrar, com casos aumentando rapidamente em várias regiões, incluindo o Meio-Oeste e as regiões montanhosas dos Estados Unidos.

Veja também

+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel