Geral

OMS: países devem isolar, testar, tratar e traçar rumos do coronavírus

A Organização Mundial de Saúde (OMS) ressaltou em entrevista coletiva nesta quarta-feira, 18, a importância de que os países realizem testes, isolem os casos confirmados de coronavírus, tratem os doentes e tracem os rumos da doença para combatê-la. “Não concluam que sua comunidade não será afetada, preparem-se como se ela fosse”, advertiu o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em Genebra.

A OMS informou que já recebeu confirmação de mais de 200 mil casos de coronavírus pelo mundo, com mais de 8 mil mortes. “Sabemos que há dificuldade tremenda enfrentada pelos países e que há escolhas difíceis a fazer”, comentou o diretor-geral sobre as medidas para conter a circulação de pessoas para combater a doença. “As medidas de distância física, como cancelar eventos, podem ajudar contra o vírus”, lembrou, citando especialmente grandes eventos, inclusive religiosos, nos quais grupos grandes de pessoas vindas de diferentes partes de uma área se encontram.

“Os casos confirmados leves também devem ser isolados”, ressaltou a OMS, insistindo na necessidade de se fazer testes e isolar os casos para conter a disseminação. A entidade disse que a estratégia de desacelerar a curva de casos está salvando vidas e ganhando tempo para que possa ser desenvolvido algum tratamento ou vacina. O diretor-geral afirmou que o coronavírus é “uma ameaça sem precedentes”, mas também uma “oportunidade para solidariedade” entre pessoas e nações. Ele informou que já foram levantados mais de US$ 43 milhões para um fundo de solidariedade no combate à doença e que, se houver necessidade, países podem receber ajuda da OMS para garantir a capacidade de realizar testes.

Ao responder a uma questão sobre como o coronavírus afeta as crianças, a OMS afirmou que elas também são infectadas e podem desenvolver a doença, mas em geral com sintomas leves. Um estudo na China, contudo, mostrou que algumas das crianças desenvolveram sintomas “severos” e que uma delas morreu, advertiu a entidade.

+ Exclusivo: como Prost fez Senna perder o contrato com a Ferrari

Veja também

+ Marco Pigossi sobre reprise da novela Fina Estampa: “Tinha que ser proibida de ser reprisada”

+ Avó de Michelle Bolsonaro morre após 1 mês internada com covid-19

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?