Cultura

Olivia Wilde não quer que filhos aprendam distinção de gênero

A atriz Olivia Wilde não incentiva seus filhos a fazerem distinção entre “coisas de menino” e “coisas de menina”. Ela disse que as crianças não fazem essa diferenciação e espera que elas continuem assim.

“Otis [seu filho mais velho] ama Moana e quando pensa no filme, ele se vê como ela. Não há coisa melhor do que dirigir ouvindo-o cantar ‘Eu gostaria de ser a filha perfeita'”, contou Olivia à The Beautiful Issue.

Ela sabe que, quando crescer, o menino pode parar de fazer coisas que considera femininas, mas disse que fará de tudo para que isso não aconteça tanto com ele quanto com sua filha, Daisy.

“Ela faz qualquer coisa para as pessoas rirem, não se importa com o que os outros pensam e eu acho isso lindo”, falou. E não perdeu a oportunidade de mostrar que é mãe coruja: “Eu sabia que eu os amaria tanto, mas eu gosto genuinamente de passar tempo com eles, amo suas observações e adoro aprender com eles”.