Economia

Oi: Geração de caixa operacional fica negativa em R$ 413 milhões em janeiro


A Oi divulgou seu relatório mensal de fluxo de caixa, referente ao mês de janeiro. A geração operacional líquida da tele foi negativa em R$ 413 milhões, ante resultado negativo de R$ 331 milhões em dezembro. O resultado foi gerado por um total de R$ 2,303 bilhões em recebimentos, R$ 2,031 bilhões em pagamentos e investimentos de R$ 685 milhões no mês.

Em relação aos recebimentos, houve queda em relação aos R$ 2,412 bilhões de dezembro. Segundo explica a companhia, a rubrica clientes caiu R$ 158 milhões de um mês para o outro, para R$ 1,494 bilhão, o que foi decisivo para o desempenho geral de janeiro.

Nos pagamentos, também houve recuo em relação a dezembro, quando somaram R$ 2,082 bilhões. Este resultado foi possível por conta dos ganhos com depósitos judiciais, que passaram de R$ 86 milhões para R$ 200 milhões. Houve mais despesas com fornecedores e tributos, e menos gastos com pessoal.

Apesar da piora na geração operacional, a Oi registrou ganhos de R$ 2,264 bilhões em operações financeiras. Isso por conta de uma emissão de debêntures e da entrada de parte dos recursos da venda da Unitel. Assim, o saldo de caixa fechou o primeiro mês de 2020 em R$ 3,761 bilhões, ante R$ 1,91 bilhão em dezembro.

Veja também
+ Joice Hasselmann aparece com fraturas e diz acreditar ter sido vítima de ‘atentado’
+ Pintor é expulso de rodízio por comer 15 pratos de massa; assista
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago