Brasil

Odebrecht diz que empresa foi ‘parceira leal’ de Dilma em ‘missões’


A documentação entregue pela Odebrecht no acordo de delação premiada inclui um e-mail do herdeiro do grupo, Marcelo Odebrecht, a executivos da empreiteira com o intuito de afinar os discursos nas negociações com representantes do governo federal.

No e-mail, Marcelo diz que a Odebrecht estava sendo uma “parceira leal” do governo – na época, ainda no primeiro mandato da presidente Dilma Rousseff – assumindo “diversas missões”, mas uma parte dos compromissos assumidos “pela outra parte” não estava sendo cumprida.

O e-mail foi enviado em agosto de 2014, já com a Lava Jato em curso. Marcelo tentava, nessa época, evitar o pagamento de parte de valor acordado com o então ministro da Fazenda, Guido Mantega, para compra de apoio de legendas à chapa que elegeu Dilma naquele ano. Em relato ao Ministério Público, no entanto, ele revela que não conseguiu segurar o pagamento, que foi feito.

No e-mail, Marcelo diz que a empresa estava encontrando “enormes dificuldades” na liberação dos financiamentos prometidos à empresa e se queixa de “falta de parceria (e mesmo certos ataques deliberados)” do governo para com a Odebrecht.

Ele lista 11 áreas em que a empresa se colocou em obras ou investimentos de interesse do governo, mas estava em dificuldades ou não contava mais com apoio do Poder Executivo, como as arenas da Copa.


+ Após cobertura ser arrematada em leilão, Carlinhos Mendigo se recusa deixar propriedade
+ Mulher desaparecida é encontrada dentro de cobra píton
+ Furão é estrela de vídeo que recria cenas do filme Ratatouille



Marcelo narra “o ocorrido na construção e concessão de 3 estádios de futebol para governos estaduais aliados (BA, RJ e PE) onde a Odebrecht cumpriu todos os seus compromissos, inclusive, os prazos da Copa das Confederações e demandas adicionais da Fifa. Entretanto, devido ao limitado financiamento do BNDES para os Estádios e do receio dos governadores em assumir todos os custos relativos à Copa do Mundo, há atualmente um valor a receber pela Odebrecht de aproximadamente R$ 500 MM”, queixa-se.

Veja também

+ Receita simples de bolo Red Velvet
+ Yasmin Brunet comemora vitória de Gabriel Medina
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Receita de moqueca de peixe simples e deliciosa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS