Geral

Odair destaca consistência do Flu e revela blindagem do elenco: ‘Tenho convicções e não decido sob pressão’

Criticado pela eliminação da Copa do Brasil, treinador do Tricolor deu a resposta dentro de campo com uma goleada por 4 a 0  sobre o Coritiba pelo Campeonato Brasileiro

O Fluminense teve uma noite iluminada no Nilton Santos e conseguiu golear o Coritiba, por 4 a 0, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. A vitória convincente veio em bom momento para o clube e o técnico Odair Hellmann, que viviam dias de grande pressão pela saída da Copa do Brasil, diante do Atlético-GO. Após a partida, o treinador Tricolor elogiou a capacidade de reação do grupo e revelou ter blindado o elenco das críticas.

–Sou um profissional que me dedico muito e respeito opiniões contrárias. Sou de observar o que está acontecendo, fica atento às críticas, mas costumo blindar o vestiário e os jogadores. Nos momentos mais difíceis dou o abraço, força e confiança para que o jogador se restabeleça. Todos passamos por momentos ruins no esporte e na vida. Poucos fazem isso. Eu faço isso como treinador, nao entrego a cabeça de ninguém, e assim vou continuar sendo aqui e em toda a minha carreira. Chamo a responsabilidade e tento transmitir uma leveza. Não tomo decisão pela cabeça dos outros e por pressão. Erro e acerto como qualquer ser humano mas procuro ter minhas convicções – disse Odair em coletiva na FluTV.

O comandante tricolor também destacou o que chamou de consistência do Flu na partida, além de elogiar o goleiro Muriel, um dos nomes que mais teve a substituição pedida pela torcida.

– Depois da eliminação, o único que restava era dar uma resposta rápida e fazer as coisas melhor do que na partida que perdemos. Foi uma exibição consistente e construímos um bom placar. A equipe toda fez um jogo consistente. Foi segura na fase defensiva e soube aproveitar as chances na fase ofensiva.Dominamos até os 25 do primeiro tempo. Poderíamos ter ampliado o placar e não fizemos. O adversário tentou encontrar formas de sair da marcação. É importante que a equipe esteja equilibrada e consiga dar uma resposta. Depois do segundo gol, o jogo ficou mais leve. As variáveis dentro da partida são normais. Diminuímos bem o espaço de predomínio do adversário. Não só Muriel mas todos os jogadores foram muito bem, os que entraram e os que começaram – concluiu.

O Fluminense volta a campo no próximo domingo, quando retorna ao Nilton Santos para fazer o clássico com o Botafogo, às 11h.

Veja também

+ Confira 4 dicas para descobrir se o mel é falsificado

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Telefone de jornalista argentino roubado ao vivo em Buenos Aires

+ Márcia Bonde divulga vídeo e deixa fãs sem fôlego

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar