Geral

“O PT não sabe governar. Quebrou o país e deixou terra arrasada”. diz Orlando Morando

Crédito: IstoÉ

O prefeito de São Bernardo do Campo (SP), Orlando Morando, participou de mais uma live de ISTOÉ nesta sexta-feira (27). Reeleito na cidade do ABC paulista, ele atacou duramente a ex-administração do PT e os petistas.

“Luiz Marinho deixou a cidade abandonada, endividada, maltratada e o maior plano de obra abandonado. Luiz Marinho foi um dos piores prefeitos da história de São Bernardo. As pessoas têm clareza que o PT não sabe governar, quebrou o País e deixou terra arrasada. A população entendeu, compreendeu, que nós falamos menos e entregamos mais. Sobrou dinheiro nos bolsos dos petistas e faltou para as obras”, avalia.

Morando também falou do planejamento do segundo mandato e das medidas que tomará, em caráter de urgência, ainda esta semana, para enfrentar a crise do novo coronavírus que teve um aumento incrível na cidade nos últimos dias. O número de internações praticamente dobrou no município, segundo o prefeito.

“A população se descuidou da pandemia. Nos assusta muito o crescimento, que saiu totalmente da curva. Ninguém vence uma pandemia sozinho. Temos que ter o apoio da sociedade. O cidadão precisa saber que o vírus não foi embora, está no meio de nós. Esse descuido da população e dos próprios estabelecimentos comerciais, nos impõe a obrigação de tomar já, a partir deste final de semana, medidas emergenciais”, diz.

O prefeito também explicou que para ele o retorno das aulas não vão acontecer este ano.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

“Não tem nenhuma condição de liberar aulas este ano”, garante. “É impossível medida de flexibilização com escolas”, completa.

Para ele, não existe qualquer dúvida que o país está passando por uma nova fase da crise sanitária e que essa é muito mais agressiva. “Nós já estamos em meio a segunda onda”, avalia.

“A sociedade espera uma resposta dos governantes. Tudo que não pode ocorrer, num momento como este, é a politização e a disputa política. As pessoas querem é a vacina”, concluiu.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Veja o significado dos 10 sonhos mais comuns
+ 6 fotos em que o design de interiores do banheiro foi um fracasso total. Confira!
+ Ex-jogadora de futebol, Madelene Wright, começa a vender fotos sensuais após ser demitida do time
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel