O fator ideológico

Alguns jornalistas diminuem o problema da contaminação ideológica em nossas escolas e universidades. Não deveriam. Até concordo que há outras questões mais técnicas e administrativas em jogo e que o ministro deveria focar em gestão. É preciso dar atenção ao Enem, à alfabetização no ensino básico, à formação de professores qualificados, à reforma do ensino médio e ao Fundeb, só para começar.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Mas é bobagem descartar a questão da infiltração da esquerda radical, até porque há ligação com vários dos demais problemas no setor. Muitos militantes se disfarçam de professores e, em vez de ensinar as matérias de forma objetiva, preferem fazer proselitismo político. A indisciplina também tem ligação direta com a ideologia esquerdista. E não é um caso isolado e nacional.
Um breve exemplo do que se passa nos Estados Unidos pode ajudar a ilustrar. Minha filha estuda numa excelente escola pública. Não obstante, o grau de doutrinação ideológica é elevado e crescente. Outro dia tive que lhe dar uma aula básica de economia e estatística, indicando leituras como Thomas Sowell e Ben Shapiro, pois percebi que ela tinha dúvidas sobre esses assuntos claramente por causa da pregação política dos professores.

Detalhei o estrago causado pela vitimização esquerdista no país e no mundo. Ela vem da escola achando, por exemplo, que mulheres ganham menos que homens, na média, por machismo no mercado de trabalho, que ricos não pagam impostos e que a polícia é racista com negros. Tudo falácia, mentira, manipulação ideológica.

Mas pergunto: quantos adolescentes têm acesso ao contraditório? Quantos pais se preocupam com isso e se dedicam a clarear a confusão mental dos filhos? E quantos, pior, possuem o conhecimento e têm condições de sentar com os filhos para desfazer essa propaganda dita progressista, sem qualquer respaldo na realidade?

Quando percebemos que mesmo nas melhores escolas americanas vários professores ficam incutindo nos alunos slogans sensacionalistas que mais parecem tirados da campanha demagógica de uma Alexandria Ocasio-Cortez, então é sinal que a situação saiu de controle mesmo. E, de fato, vários livros atestam o quadro calamitoso nas escolas e universidades daqui.
No Brasil, como sabemos, a coisa é muito pior. As escolas e universidades foram invadidas por partidos radicais comunistas, a ideologia de gênero é enfiada goela abaixo das crianças como se fosse “educação sexual”, a bagunça pulula. Basta ler o livro “A corrupção da inteligência”, de Flavio Gordon, para ter uma ideia do tamanho do problema ideológico em nosso ensino. Como desmerecer o combate ao marxismo cultural diante desses fatos? Não pode ser a única meta, claro. Mas daí a desqualificar essa agenda legítima vai uma longa distância.

Minha filha veio da escola achando que mulheres ganham menos por causa do machismo e que a polícia é racista. Tudo falácia

Veja também

+ Por decisão judicial, Ciro Gomes tem imóvel penhorado em processo com Collor

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Com maiô cavado, Scheila Carvalho ostenta corpo musculoso aos 47 anos

+ A Fazenda 2020: Peões ficarão 24 horas sem água encanada devido a punição por drink de álcool em gel

+ Aprenda a preparar o Chevette, drinque que virou febre em SP

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.