Tecnologia & Meio ambiente

O Boticário transforma plástico reciclado para melhorar estrutura de escolas em todo Brasil

O Boticário, marca que há 43 anos entrega amor e beleza para os brasileiros, sela um compromisso real e tangível com a responsabilidade socioambiental no Brasil. A partir de 2021, a marca desenvolverá espaços pedagógicos para fomentar a educação em 15 escolas públicas no país. A iniciativa inovadora, em parceria com o Instituto Grupo Boticário, consolida o posicionamento da empresa como marca sustentável em um movimento inédito de conscientização e mobilização. Ao convidar as pessoas a participarem ativamente no descarte adequado de embalagens, é possível contribuir para a co-criação de um futuro pautado pela educação, cultura e conhecimento.

A jornada de sustentabilidade do O Boticário é um caminho que vem sendo trilhado há décadas, através de iniciativas que geram impacto positivo em toda a cadeia e sociedade, reforçando também a tomada de consciência sobre a importância da reciclagem. Por meio de uma pesquisa em andamento via Instituto Grupo Boticário – que incentiva e promove o desenvolvimento social no Brasil por meio de projetos sociais e culturais – será possível identificar junto às instituições de ensino quais são as carências de equipamentos. Com o diagnóstico, a marca conseguirá direcionar estes espaços conforme a indicação necessária, como biblioteca, laboratório, sala de música/artes.

Os espaços pedagógicos de 30m2 compostos por aproximadamente 2.2 toneladas de plástico reciclado, também recebem mobília interna feita a partir de materiais sustentáveis e serão entregues as escolas já prontos para uso. O projeto segue a mesma tecnologia utilizada nas lojas sustentáveis – no final de 2020, a marca inaugurou sua primeira pop up sustentável, no Parque Ibirapuera, em uma parceria com a Urbia Gestão de Parques (concessionária que administra o local). Feita a partir de resíduos plásticos, o espaço é composto por até três toneladas de plástico reciclado – o equivalente a, aproximadamente, mais de 60 mil garrafas PET. Devido ao sucesso, a pop up teve sua data de funcionamento prorrogada até 25 de janeiro. Além da pop up, mais 8 lojas sustentáveis foram abertas até o final do último ano e o plano de abertura prevê aproximadamente 20 lojas no mesmo formato para 2021.

O projeto exigiu desenvolvimento de tecnologias para reciclagem de resíduos plásticos gerados pela indústria para a geração de matéria-prima segura e adequada às aplicações construtivas, seguindo todo o protocolo de segurança.

Desde 2006, o Boti Recicla, maior programa de reciclagem do Brasil em pontos de coleta no segmento de beleza. Com o anúncio da entrega de espaços pedagógicos feitos de resíduos plásticos a partir de 2021, o Boticário reforça a mensagem “Boti Recicla – você retorna, Boti Recicla e transforma”, em uma jornada de contribuição e conscientização, em que o impacto positivo reverbera em toda a cadeia.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Informações Pop up Sustentável Parque do Ibirapuera (aberta até 25/01):

Horário de funcionamento – de terça à domingo, das 10:00h às 19:00h.

Parque Ibirapuera – Av Pedro Álvares Cabral, s/n (portão 10).

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra!
+ 6 fotos em que o design de interiores do banheiro foi um fracasso total. Confira!
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel