Geral

Novaes: propaganda retirada do ar não estava de acordo com os propósitos do BB

O presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, fez nesta terça-feira, 10, nova defesa do veto, feito em abril pelo presidente Jair Bolsonaro, a uma campanha publicitária dirigida ao público jovem. Segundo ele, “a propaganda não estava de acordo com os propósitos do Banco do Brasil”.

Em abril, Novaes acatou pedido de Bolsonaro para retirar do ar uma campanha publicitária que trazia atores que representavam a diversidade racial e sexual. De acordo com Novaes, isso ocorreu porque “houve recomendação em relação ao público que a gente quer atingir”.

“Não quero atingir apenas o jovem mais alternativo, mas toda população jovem do Brasil”, disse o presidente do Banco do Brasil.

Rubem Novaes participou nesta terça de audiência pública na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados, em Brasília.

+ Briga de vizinhos termina com personal trainer morta a facadas no interior de SP

Veja também

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Harley-Davidson HD350, chegando em 2021?

+ Xiaomi anuncia TV OLED com tela transparente por quase R$ 40 mil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?