Mundo

Noite de protestos na Catalunha termina com 51 detidos

Noite de protestos na Catalunha termina com 51 detidos

Confrontos entre manifestantes e policiais em Barcelona - AFP

Cinquenta e uma pessoas foram detidas em diversas áreas da Catalunha na madrugada de quarta-feira, durante protestos contra a condenação de nove líderes separatistas, anunciou o governo da Espanha.

De acordo com o ministério do Interior, 29 pessoas foram detidas na província de Barcelona, 14 em Tarragona e oito em Lleida.

Além disso, 54 policiais regionais e 18 policiais nacionais ficaram feridos. Alguns deles sofreram fraturas, de acordo com o ministério.

O centro de Barcelona foi cenário de uma batalha campal entre a polícia e independentistas. Várias ruas foram bloqueadas por barricadas em chamas e algumas amanheceram fechadas em consequência da destruição.

No total, 40.000 pessoas participaram na manifestação de Barcelona antes dos confrontos entre centenas de manifestantes, alguns deles com os rostos cobertos, e policiais, que tentaram dispersar a multidão à força.

Também foram registrados confrontos nas cidades de Girona, Tarragona e Lleida, onde foram organizadas concentrações diante das respectivas sedes das delegações do governo espanhol.

Após quatro meses de julgamento e outros quatro de deliberação, os juízes do Tribunal Supremo condenaram na segunda-feira, por sedição, nove dos 12 líderes catalães processados a penas de entre nove e 13 anos de prisão.

Os protestos devem prosseguir nesta quarta-feira e uma greve geral foi convocada para sexta-feira na Catalunha.