Esportes

Negociar jogador em semana de Copa de Brasil não é novidade para o Botafogo; entenda

Possível venda de Luís Henrique às vésperas de confronto com o Vasco traz coincidências com negociação envolvendo Vitinho e o CSKA Moscou em 2013

Negociar jogador em semana de Copa de Brasil não é novidade para o Botafogo; entenda

Um jovem jogador do Botafogo sendo negociado com uma equipe do futebol europeu em uma segunda-feira, viajando ao Velho Continente na parte da noite para finalizar a transação e, consequentemente, desfalcando o Alvinegro em um confronto decisivo da Copa do Brasil na quarta-feira seguinte. As características lembram, de cara, a negociação de Luís Henrique com o Olympique de Marselha, mas também se encaixam com um contexto de 2013.

Em agosto de 2013, Vitinho, então destaque da equipe comandada por Oswaldo de Oliveira, deixou o Botafogo para fechar com o CSKA Moscou. Há sete anos, o clube russo pagou a multa rescisória do atacante na reta final da janela de transferência e o jogador de 19 anos viajou ao Velho Continente às pressas, na noite do dia 26, uma segunda-feira.

Na quarta-feira seguinte, dia 28, o Botafogo jogava pela Copa do Brasil. Segundo jogo das oitavas de final contra o Atlético-MG. A primeira partida havia sido vencida pelo Glorioso por 4 a 2 em casa. Mesmo sem Vitinho, o clube de General Severiano empatou por 2 a 2 e garantiu a classificação.

Em 2020, o cenário é parecido. O Botafogo terá um confronto decisivo contra o Vasco na próxima quarta-feira, às 21h30, em São Januário. Com a vitória por 1 a 0 no jogo de ida, no Estádio Nilton Santos, um empate, assim como aconteceu em 2013, basta para dar a classificação às oitavas de final ao Alvinegro.

Na época, a negociação de Vitinho quebrou o recorde de maior venda da história do Botafogo. Com a cotação do euro em 2013, o clube de General Severiano, que tinha 60% dos direitos econômicos do atleta, embolsou R$ 18,6 milhões do total da negociação, batida por 9,5 milhões de euros (R$ 29,9 milhões de euros, na cotação da época).

Luís Henrique chega para tirar Vitinho do topo deste ranking. Os valores oficiais da negociação com o Olympique de Marselha ainda não foram oficializados, mas estima-se que a venda seja sacramentada por 10 milhões de euros. O Alvinegro tem 40% dos direitos do atacante e, caso se confirme, embolsaria R$ 25 milhões.

Entre semelhanças e coincidências, Luís Henrique já desfalca o Botafogo na partida contra o Vasco, nesta quarta-feira. O atacante viajou para a França para realizar exames médicos. O Olympique de Marselha quer ter certeza que ele está totalmente recuperado de uma pubalgia. Se aprovado, muito provavelmente fechará com o OM.

Veja também

+ Confira 4 dicas para descobrir se o mel é falsificado

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar